«

»

dez 29 2016

Imprimir Post

Vade Retro 2016! rs…

As piadas sobre esse fatídico e inesquecível ano já tinham começado e até o presidente da república (legítimo para uns ou ilegítimo para outros, anyway…) se rendeu ao sarcasmo em seu pronunciamento de ontem, quando disse que 2017 não será uma 2016-B.

Mas o pior seria se 2017 fosse um 2016-S, com o “S” significando “super”, como os fãs dos iPhone bem sabem, rs…

Mas apesar da aparente dramaticidade do título desse artigo e de seu tema, não quero ficar com lamúrias e investir nas citações das inúmeras tragédias e desgraças que esse “anozinho do capiroto” trouxe para tudo e para todos.

Contudo, faço questão de salientar que sair vivo dele já está sendo um grande passo e que os anais da história vão precisar de muito Hipoglos para receber tantos, tamanhos e tão profundos registros negativos! (risos)

O certo é que foi aberta a “caixa de pandora” da política brasileira e agora os segredos mais escusos, absurdos e escandalosos estampam os noticiários de forma insistente e incessante, como uma novela horrível que ninguém quer acompanhar, mas que não é tirada do ar… Assim como uma vitrine que expõe o ridículo e ofende a quem vê… Todo dia… Dia após dia…

Mas 2016 também guardou suas surpresas dos pontos de vista pessoais e cujas maiores “sofrências” devem ter vindo para quem está participando do enorme grupo dos 12 milhões de desempregados do país. Um recorde a não ser comemorado.

Contudo, aí vem o dia 31 e com ele a noite de réveillon, que traz de um segundo para outro a mudança de um calendário fatídico para outro todo em branco e, a ser preenchido da forma que pudermos, quisermos e fizermos.

É óbvio                 que não podemos ser infantis e esquecer as heranças negativas que aí estão e que irão adentrar para o ano seguinte, mas penso que é melhor aprender com elas do que brigar com as mesmas. Neste sentido, percebo que depois de tanta chibatada, temos de ter aprendido algumas coisas. Lições importantes que, se aplicarmos, poderão nos fazer melhores e que consigamos provocar melhorias em 2017, assim como para mais adiante!

Mas essas melhorias não vão cair do céu! E de lá do alto, já vimos que quando cai algo, coisa boa não é e; pode até ser muito trágico e triste…

Está na hora de arregaçar as mangas e de começarmos a agir maneiras novas e positivas, porque ficar repetindo o que fizemos até então, apenas nos levou (e ao nosso país) para o buraco em que estamos.

Já conhecemos os resultados do que fazemos, É preciso sair da zona de conforto para ir além e nesta jornada, convém deixar o que não presta para trás, literalmente abandonar velhos hábitos e tudo o que não for positivo e produtivo.

A chance está aí e a hora é agora!

Novamente me despeço desejando a todos um ótimo, divertido e revigorante final de semana, desta vez aproveitando para fazer votos de o ano de 2017 já está aí, venha trazendo ventos melhores para soprar nas velas da prosperidade humana!

.

Link permanente para este artigo: http://www.nandopires.com.br/blog/?p=4471

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *